Como atualizar o CyanogenMod em smartphones criptografados

O que é a criptografia em smartphones com Android

A criptografia permite que seus dados fiquem seguros e protegidos por uma senha/PIN. Sem a senha é praticamente impossível acessar os dados criptografados.

Depois de ativar a criptografia no Android você precisará da senha para: acessar os dados via USB, inicializar o smartphone, desbloquear a tela inicial do dispositivo e etc. Por exemplo, caso você abra o aplicativo da câmera através do atalho na tela inicial (sem desbloquear), só será possível acessar as fotos capturadas recentemente, pois as demais estarão disponíveis somente após desbloqueio com o código PIN.

Isso torna o smartphone extremamente seguro contra roubo de informações. Imagine que você teve o telefone roubado, será impossível utilizar suas contas que ficam logadas, acessar suas fotos, anotações e etc. O que provavelmente será feito é o reset para as configurações de fábrica, porém todos os dados que estavam presentes serão apagados.

A única forma de remover a criptografia e consequentemente o uso de senha no Android é com o reset do aparelho. Isso fará com que todos os dados do smartphone sejam apagados. Portanto, antes de criptografar o telefone, pense se você precisará ativar alguma rotina de backup nativa da Google como: sincronização dos contatos via gmail, aplicativos e redes WiFi, backup de fotos no Google Plus e etc ou então inserir na sua rotina uma backup periódico completo.

Caso queira aprender como criptografar e ativar outras funções de segurança nativa do Android e da ROM CyanogenMod veja o artigo Como melhorar a segurança e privacidade de seus dados no Android.

Para entender e estudar mais sobre criptografia – http://pt.wikipedia.org/wiki/Criptografia.

GoCache - CDN Nacional

Atualização do sistema operacional CyanogenMod criptografado

CyanogenMod Logo

CyanogenMod Logo

Usuários do CyanogenMod que utilizam a criptografia ficam praticamente sem poder utilizar os recursos de backup, restore e instalação de novas versões via ClockworkMod. Com o smartphone criptografado, não é possível acessar o sistema de arquivos via CWM, pois não existe a funcionalidade para informar a senha e decodificar o sistema de arquivos.

Porém para realizar a atualização do CyanogenMod com uma nova versão é possível utilizar a função sideload que permite que a ROM seja enviada a partir do notebook ou computador para o smartphone Android. Abaixo os passos necessário para atualizar o CyanogenMod criptografado:

  1. instale as ferramentas adb e fastboot (instruções para instalação via apt-get para Linux ou então no Windows). Ou então baixe a última versão do Android SDK via linha de comando e faça a instalação após a descompactação com o comando: ./android-sdk-linux/tools/android update sdk –no-ui. Assim você irá obter a última versão do adb (1.0.32) para instalação do CyanogenMod 13.
  2. baixar a imagem específica de seu smartphone em cyanogenmod.org;
  3. conferir o md5sum para checar que o download não está corrompido;
  4. reinicie o smartphone em Recovery Mode (ClockworkMod), ou de preferência, instale a última versão do twrp que oferece suporte a criptografia e conecte o smartphone via USB;
  5. vá em ‘install zip’ -> ‘install zip from sideload’;
  6. digite em seu computador o comando: adb sideload cm-11-version-SNAPSHOT-M5-mako.zip.
  7. aguarde a instalação e liberação do cursor no ClockworkMod/twrp (aproximadamente dois minutos) e reinicie o smartphone;
  8. inicialize normalmente e aguarde o sistema operacional otimizar/atualizar os aplicativos instalados;

O procedimento acima consegui utilizar com sucesso até o CyanogenMod 12.1. Quando fui atualizar para o CyanogenMod 13 tive algums problemas (houve uma falha na instalação do CM13 / Google Apps), então compartilho algumas boas práticas:

  • utilize o twrp que já suporta criptografia a partir da versão 3.0, fazendo com que seja possível utilizar todas as funções (backup, acesso aos arquivos) via recovery;
  • é muito importanto no update do CyanogenMod 12.1 para o 13, a instalação da ROM e logo em seguida dos apps do Google, sem reiniciar o smartphone. Caso contrário você verá erros semelhantes a esses ao utilizar o CM 13:

E no logcat: 

Para resolver, suba a ROM e com o adb shell digite o comando:

Mais informações sobre o erro: http://www.deseret-tech.com/journal/cyanogenmod-13-nightly-setupwizard-has-stopped-working/

Mas se o erro “O app has stopped” / “O app parou” aparecer ao abrir um app, principalmente os apps do Google, e no logcat a mensagem for algo semelhante à:

Tente reinstalar o app via Google Play Store, meus aplicativos voltaram a funcionar normalmente após esse procedimento.

Agora, acesse o menu ‘configurações‘, ‘sobre o telefone‘ e então verá a nova versão instalada em ‘Versão CyanogenMod‘ 🙂

Versão do CyanogenMod atualizado

Fernando Mariano

Formado em Engenharia de Computação e atua como Administrador de Sistemas há mais de 9 anos e desenvolve sua startup no mercado de concursos públicos chamada Enter Concursos.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta